Bem vindo ao All Hockey Brasil / All Habs Brasil

Habs e Playoffs, Motivo de Orgulho

By on maio 31, 2014 in Game review with 3 Comments

por Rovena , Escritora em Português Brasileiro, All Habs Brasil

Vitória, BR – A temporada acabou para o Montreal Canadiens. Agora só voltamos a ver o time no gelo em setembro, na pré-temporada 2014-2015.

Quando a temporada começou, ninguém acreditou que um dia, esse time de pequenos poderia chegar numa final de Conferência. Eles chegaram. Com o Habs é sempre assim: ninguém acredita, ninguém tem esperança, ninguém espera que nada de bom aconteça com a equipe. Eles são sempre os piores, os sujos, os errados. É um time que sofre ameaças constantes de torcedores rivais. Um de seus melhores jogadores é vítima de racismo. É um time acusado de fingir sintomas e hits.

timeSubbanO Canadiens conseguiu chegar nos playoffs, em quarto lugar na Conferência do Leste, e então a festa começou. Quem diria que o Habs conseguiria eliminar o Tampa Bay Lightning em quatro partidas. Foi tudo tão rápido que nem deu para aproveitar direito essa primeira fase. Mas ninguém se importou, todo mundo queria mais.

Chegou a vez de enfrentar o grande rival, o “temido” Boston Bruins.  Desde o começo, eu acreditei que eles seriam capazes de vencer. Sei que não estava sozinha, porque os torcedores do Habs também acreditavam no time, o problema mesmo estava fora da nossa bolha. “Eles não vão vencer” e “O Bruins é um time completo”. Foi preciso chegar no jogo sete, mas o inesperado aconteceu. Entre ofensas e ameaças, os jogadores do Montreal mostraram que estavam lá para ganhar.

E aí, finalmente chegou a hora de ir para a final da Conferência. A última vez que isso aconteceu foi em 2010, o ano que Carey Price se destacou nos playoffs. Dessa vez seria diferente, já que Price se machucaria no primeiro jogo da série contra o New York Rangers. Começou o desespero: vamos perder sem o Carey. Este é um pensamento válido para os torcedores do Habs. Estamos acostumados a ver o time perder jogos porque toda a responsabilidade ficou nas costas do goleiro. Estava tudo perdido e era fato que o Canadiens ia embora em quatro partidas.

Eis que surge Dustin Tokarski, um jogador da AHL. Um goleiro da liga americana jogando contra um goleiro de elite, medalhista de prata das Olimpíadas de Inverno de Sóchi. Tokarski vai ser humilhado, né? Não. Este jovem goleiro mostrou que está pronto para enfrentar grande equipes. É claro que ele ainda não tem o preparo certo para ser o titular de uma equipa na NHL, mas ele está no caminho certo, e se o Habs conseguiu levar a série ao jogo seis, foi porque Dustin Tokarski permitiu. Ele lutou até o último segundo e foi o melhor jogador dessa série.

Apesar da derrota, o futuro é ótimo para o Montreal Canadiens. O time tem jogadores ótimos, principalmente os novos. Com um bom treinamento na offseason e também durante a temporada, vejo essa equipe chegando longe nos próximos anos. Se esse playoffs serviu para alguma coisa, foi para mostrar que não há motivo para desanimar. O Habs é bom e está querendo mostrar o seu valor à todos aqueles que um dia duvidaram do que eles são capazes de alcançar.

Para uma equipe que, em 2012, não conseguiu se classificar para os playoffs e que em 2013 foi embora na primeira fase, chegar na final da Conferência foi algo bom e grande. Não existe motivo para tristeza, mas somente para orgulho por tudo o que esse time passou. E felicidade, porque podemos visualizar esse elenco um dia segurando a Stanley.

Eles falaram que queriam respeito. Li em alguma rede social que um time não consegue respeito perdendo de 7 – 3 no primeiro jogo da final da Conferência. Não. Um time consegue respeito lutando até o final. E foi isso o que o Canadiens fez.

Obrigada pela temporada incrível e até a próxima, Habs.

Tags: , , , , , , ,

About the Author

About the Author:

Rovena é brasileira e carrega Montréal e o Canadiens no coração desde os nove anos. Abriu mão do seu sono para acompanhar todos os jogos ao vivo. Não vê a hora de voltar e finalmente assistir a um jogo no Centre Bell. Ainda hoje confunde as línguas.

.

Subscribe

If you enjoyed this article, subscribe now to receive more just like it.

There Are 3 Brilliant Comments

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. Oi sou brasileira e meu sonho é me encontrar Brendan Gallagher, o número 11 da asa direta de Montreal. Acho q sou a unica aki na minha cidade. Queria mt ter contato com vc. Chorei ao ver q os habs perderam p os Rangers. .. eles mereciam ter vencido. Mas fica p proxima. Enfim vamos conversar. Por favor.

    • Rovena says:

      Oi Déborah Christina 🙂 Você é de qual cidade? Já procurou no twitter? O grupo de torcedores do Habs é bem grande e bom, quem sabe vc não encontra alguém. E siga a equipe por lá também!

    • Oi Deborah,
      Você encontra toda a equipe do All Habs no twitter. Pode seguir @All_Habs e @AllHabsBrasil tem vários fãs brasileiros de hockey por lá. Temos uma fan page no Facebook, All Habs Brasil (procura a gente por lá) e com certeza você vai achar vários outros fãs para se conectar.

Post a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

 

Top